Ícone do site GO HORSE PROCESS

Gestão de Portfólio Go Horse

Os burocratas do PMI, não contentes em terem construído o maior repositório de asneiras em termos de Gerência de Projetos  – o PMBOK – recentemente vêm dando palpites nas áreas de Gestão de Programas e Portfólio.

O Go Horse também tem a sua abordagem para a Gestão de Portfólio. Com apenas 4 (quatro) axiomas, desbancamos o papo furado do PMI.

1 – Não se preocupe em agregar valor

Muitas idéias são desperdiçadas porque algum chato as veta sob o argumento de que não “agregam valor” ao cliente. Preocupar-se em agregar valor é um erro, e o motivo disso é explicado no axioma 2.

2 – Parta da premissa de que seus consumidores são idiotas

Porque eles são. Se você duvida disso, acompanhe a série “Produtos Go Horse”, a ser publicada neste site, e iniciando neste post.

3 – Escrúpulos são para os fracos

Se o gestor de portfólios da Sony BMG se preocupasse com frescuras como essa, jamais contrataria o Milli Vanilli para o seu portfólio de artistas.

4 – Não perca tempo com pesquisas de mercado.

Sempre vai haver alguém que consumirá o que você produzir (vide axioma 2).

Sair da versão mobile